Gestão da Produção Industrial: Por que você deve utilizar um ERP na sua indústria

Você sabia que os sistemas de gestão ERP foram criados originalmente para resolver os processos internos de gestão da produção industrial? Se a sua empresa atua no setor de manufatura, não importa o tamanho ou o produto que você fabrica, você precisa de um sistema ERP para tornar sua vida mais fácil.

Os sistemas ERP ajudam a otimizar os processos de trabalho dentro de uma indústria, tanto no chão de fábrica quanto nas áreas de suporte, e isso faz com que os funcionários consigam fazer mais atividade em menos tempo. A gestão consegue ter informação em tempo real do que está acontecendo na fábrica. Os clientes ficam satisfeitos por que quando solicitam alguma informação eles recebem um retorno imediato com a informação solicitada pois ela pode ser facilmente consultada.

Além da visibilidade dos processos que o ERP proporciona, existem diversas outras razões para você adotar um sistema de gestão ERP para fazer a gestão da produção na sua indústria, listamos aqui alguns principais.

Por que você deve utilizar um ERP para fazer a gestão da produção industrial?

  • Os sistemas ERP integram todas os processos dentro da indústria

Do gerenciamento de estoque até a geração de relatórios de cobrança por cliente, os sistemas ERP são desenvolvidos para atender as necessidades de todos os departamentos dentro de uma indústria e manter as informações conectadas para serem facilmente rastreadas quando necessário. Dessa forma quando um cliente precisa saber por exemplo qual o status do seu pedido o vendedor é capaz de responder imediatamente consultando a Ordem de Fabricação daquele pedido no ERP, ou então quando um líder de produção precisa saber o que está sendo produzido naquele momento por cada operador, ele consegue fazer isso sem sair da sua estação de trabalho.

  • O sistemas ERP facilitam a gestão das informações

Em uma fábrica é muito comum encontrar centenas ou então milhares de códigos de produtos, e para acompanhar tudo isso é indispensável um sistema que seja confiável. Continuamente novos produtos são criados, outros descontinuados, componentes da estruturas são modificados e é preciso que estas informações estejam sempre atualizadas para que se consigam fazer o rastreabilidade da produção, um bom gerenciamento de inventário e também atender as exigências fiscais como o Bloco K do Sped Fiscal.

  • Os sistemas ERP oferecem relatórios e automação para quando você precisa de dados para análise

Quase que diariamente é necessário compilar dados para reuniões, análises e definição de planos de ação. As indústrias que não possuem um ERP precisam ter algumas pessoas dedicadas a fazer este trabalho de compilação de informações. O problema é que além de ser demorado, quando as informações são manipuladas manualmente existe um alto risco de algo sair errado e você acabar tomando uma decisão com base em um dado que não reflete a realidade da sua fábrica. Além disso, estas pessoas poderiam estar trabalhando em atividade que geram mais valor para o seu cliente, ao invés de fazer algo que poderia ser automatizado e gerado em tempo real.

  • Os sistemas ERP foram criados para a indústria

Originalmente chamado de Planejamento de Requisitos de Material (MRP), os sistemas que conhecemos hoje como Enterprise Resource Planning (ERP) foram inicialmente criados para gerenciar o inventário da fábrica. Se você trabalha em uma indústria sabe o quanto complexo pode ser fazer a gestão de inventário através de planilhas. Isso se torna ainda mais complexo quando se trata de produtos com estrutura de vários níveis, com sub-produtos, ou então beneficiamento externo.

Posts Relacionados

Teste gratuito!

Teste nosso sistema de forma gratuita por até 5 dias! Entre em contato conosco e receba o acesso.

Contate-nos!